sexta-feira, 20 de março de 2009

DÁDIVA



Quando o amor acorda
É a graça de Deus expressa,
É a taça que transborda
Num brinde que não cessa.

RosanAzul.

4 comentários:

Efigênia Coutinho disse...

RosanAzul., hoje deu saudade deste recanto azul, onde vamos lendo boa poesia, Dádiva, forte sentimentos, meus cumprimentos, fica o convite para você seguir meus Blogs de poesias, com admiração,
Efigênia Coutinho

Mallika disse...

Lindo, harmonioso, semente de baobá.

Nely disse...

Obrigado pela visita ao meu blog, vim retribúir e gostei muito do seu cantinho, vou voltar.
Dádiva é uma palavra divina que nem todos conhecem (infelizmente).
Beijinho de luz.
Nely

Olga disse...

Cheguei viajando nas asas da tua poesia, explorei palavras e sentimentos deliciosos e deslumbrei-me com este Almas Azuis.

Um beijo deste lado do oceano, da sempre amiga Olga