segunda-feira, 2 de fevereiro de 2009

A MENINA DOS TEUS OLHOS...



Segue minh´alma navegando pela noite.
Alma andarilha dos sete mares dos meus sonhos,
A rastelar na areia os cascalhos dos enganos,
Das ilusões desmoronadas
No castelo feito da mesma areia,
Onde deixei o passado ser levado pelas ondas.
Agora somente o presente, nu e cru a tua espera,
Onde meu sonho se instalou e fez morada.
Portal de flores multicores ornam a estrada,
Enchendo meus balões de esperanças santas,
Regente dos meus sonhos nessa festa que é a vida.
Tua presença em minha lembrança,
Já baila comigo a valsa dos amores.
Ode alegria, em boas vindas, anjos em louvores.
Maravilhoso é o baile da vida na primavera,
Quando o amor se faz verdade e não uma quimera.
Unindo as almas doloridas ante a impiedade,
Niveladas agora em amor, viver em liberdade.
Ainda que seja grande a distância
E por hora nos separe,
A saudade nos fortalece a alma em igualdade.
Vencendo a barreira do tempo,
No amor nós seguiremos,
Pois amar-te, por si só, de ti já me aproxima
E mesmo longe e muito longe
Dos teus olhos eu esteja,
Sou e serei sempre, deles a menina...

Rosana Souza.

Um comentário:

Efigênia Coutinho disse...

Olá Rosana, que alegria receber você ao meu primeiro espaço em Blog. Gostei muito de sua poesia, uma alma leve, solta , andarilha, alegre, parabéns, desejando muito sucesso, com admiração,
Efigênia Coutinho