sexta-feira, 25 de abril de 2008

CORAÇÃO LIVRE




Deixa que teu coração
Seja um pássaro livre
Para que sintas no ruflar
De leves asas
A total liberdade de teu ser.

Eleva-o as alturas
Para que vejas
A magnitude
Da perfeita criação
Em ti.

Deixe-se abandonar
Na plenitude deste vôo
Sem limites
Nem fronteiras
Ao desconhecido

Permitas que ele plaine
Na imensidão azul
Aproveitando as correntes
Dos ventos cintilantes
Do sul rumo ao norte

Onde finalmente
Adejando suas asas
Ele entre
Na cadência do compasso
Da misteriosa música
De outro ser...

RosanAzul

2 comentários:

Anônimo disse...

Lindos poemas. Lindas rosas.
Bom fim de semana.
mallika

gaivotadourada22 disse...

Linda Poesia....

...que esse Coração Livre esteja sempre e plenamente dentro de nós!
Parabéns pelo maravilhoso Blog...virei visitar mais vezes, com certeza...
Abraços!
gaivotadourada.